terça-feira, 22 de abril de 2014

Mano Changes propõe audiência pública para debater falta de efetivo na Polícia Civil

    Por solicitação do deputado Mano Changes, acontece na próxima segunda-feira, dia 28 de abril, às 10h, no Plenarinho da Assembleia Legislativa, audiência pública para tratar do problema da falta de efetivo da Policia Civil. Durante o encontro, o Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Rio Grande do Sul (Sinpol/RS) irá apresentar a campanha “Acadepol para todos já”, que busca a nomeação de novos servidores para a polícia.
    A campanha “Acadepol para todos já” tem o objetivo de sensibilizar o Governo Estadual para o aproveitamento de todos os aprovados no atual concurso da Polícia Civil, que no momento estão fora das vagas oferecidas pelo edital. Ao todo, são 700 vagas, sendo 350 para o cargo de Inspetor e 350 para o cargo de Escrivão. Porém, o ingresso de apenas 700 novos policiais não supre o déficit do efetivo, que hoje atua com apenas 55% do número considerado ideal.
    Entre as entidades convidadas, estão a Casa Civil, Secretaria de Segurança Pública, Secretaria da Fazenda, Secretaria Estadual da Administração e dos Recursos Humanos, Ministério Público, Câmara de Vereadores de Novo Hamburgo, Sinpol-RS e concursados aprovados.
    “Em 1980, a Polícia Civil contava com um quadro com 6,5 mil policiais e o Estado tinha 7,5 milhões de habitantes. Hoje somos cerca de 11 milhões de gaúchos e o efetivo da Polícia Civil é de 5.208 policiais civis”, lembra Mano Changes.
    O deputado também assinou a petição eletrônica promovida pelo sindicato. “Estou ao lado do Sinpol por maior efetivo, assim como também apoio o Instituto Geral de Perícias em sua luta por estrutura adequada para trabalhar”, definiu o parlamentar.

Gabinete Mano Changes
Data: 22.04.2014

terça-feira, 25 de março de 2014

Mano justifica voto a favor das estruturas temporárias para a Copa do Mundo

O deputado Mano Changes usou a Tribuna para justificar seu voto a favor do projeto de lei 17/2014, que dá incentivos fiscais às empresas que investirem nas estruturas temporárias no entorno do Beira Rio. 
Mano lembrou que as obras temporárias são importantes para a realização do evento, mas mais uma vez Porto Alegre perdeu uma chance histórica de se colocar no cenário turístico internacional ao deixar de realizar ações que potencializassem os ganhos do evento. “Ao custo de menos de R$ 1 milhão poderíamos oferecer internet banda larga na orla para o turista e a comunidade; a revitalização do Cais do Porto, sempre prometida, não estará pronta para a Copa. Da mesma forma, não utilizamos o prestígio de Gisele Bünchen para promover o Estado e atrair visitantes, sem contar que o churrasco, prato que ganhou o mundo, não conta como uma ação para atrair turistas argentinos que estarão aqui, por exemplo”, enfatiza o parlamentar.
Mano lembra que, mesmo assim, não é admissível perder a Copa do Mundo. “Esta é a hora de colher o que foi plantado. Os prejuízos para a imagem da Capital e do Rio Grande do Sul seriam impagáveis”, apontou. “Não é o Internacional que vai se beneficiar desse legado. O Inter já fez sua parte ao se desfazer do Estádio dos Eucaliptos para investir no estádio da Copa. Além disso, não será o clube que vai arrecadar o superávit dos tributos. O grande beneficiário será o Estado, que está abrindo mão neste momento em favor de um projeto maior”, definiu.

Gabinete Mano Changes
Data: 25.03.2014

quarta-feira, 19 de março de 2014

O que o Marco Civil da Internet pode mudar na rede?

O que o Marco Civil da Internet pode mudar na rede?

Este artigo, o Estadão publica hoje sobre o Marco Civil da Internet. O texto original é do New York Times e explica o que está em jogo nessa história toda que está em discussão em Brasília, na Câmara Federal. Te liga aê!


http://blogs.estadao.com.br/link/pagando-para-viajar-na-via-expressa-da-internet/ 
ARTE: Carlinhos Muller/Estadão

terça-feira, 18 de março de 2014

PEC da Internet Livre avança na AL

A Comissão de Assuntos Municipais aprovou na manhã desta terça-feira (18) parecer favorável à Proposta de Emenda Constitucional 228/2013, do deputado Mano Changes (PP) e mais 53 parlamentares, que disponibiliza acesso gratuito à Internet nos municípios gaúchos. O parecer favorável foi do deputado Miki Breier (PSB).
“É mais um passo que se dá para garantir a Internet como um direito básico dos gaúchos. Sigo confiante na aprovação dessa matéria até sua aprovação em Plenário”, disse o deputado Mano Changes. Anteriormente, o parlamentar apresentou projeto de lei criando Zonas de Internet Livre nos municípios. A proposta foi aprovada por unanimidade na Casa.


Foto: Walter Fagundes l Agência ALRS

Gabinete Mano Changes
Data: 18.03.2014

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Mano traz debate sobre estruturas temporárias para Comissão de Economia

O deputado Mano Changes trouxe nesta quarta-feira para a Comissão de Economia e Desenvolvimento Sustentável o debate sobre as estruturas temporárias para a Copa do Mundo. No período de assuntos gerais, o coordenador executivo do comitê gestor da Copa no Estado, Maurício Nunes Santos, fez uma explanação sobre o evento.
Em seu pronunciamento, o coordenador disse que era preciso diferenciar o que é evento Copa do Mundo e o que é temporário. “As estruturas temporárias têm por finalidade oferecer a infraestrutura necessária às 6 mil pessoas que estarão trabalhando em dias de jogos no Beira Rio”, adiantou. Ele também defendeu a aprovação do Projeto de Lei 17/2014, que ingressou em regime de urgência na Assembleia e prevê isenções fiscais de R$ 25 milhões para custeio dessas obras. “O retorno com a chegada de turistas e com divulgação para o Estado será muitas vezes superior a esse valor”, garantiu.
Mano Changes lembrou que a Comissão cumpriu seu papel ao trazer o debate para a Casa. “Todos os projetos que entram em regime de urgência têm 30 dias para serem debatidos antes de chegarem a Plenário. Se cumprirmos esse tempo, a proposta será votada somente no final de março, e o comitê gestor teria apenas 15 dias para captar os recursos, o que é um prazo muito pequeno”, diz o parlamentar. 
Segundo o deputado, a intenção é acelerar o processo, mas fazer isso com transparência. “A Bancada do Partido Progressista irá apresentar uma emenda garantindo a transparência e o acompanhamento da captação desses recursos. Afinal, são recursos públicos”, definiu Mano.

                                Foto: Marcos Eifler l Agência ALRS


Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 26.02.2014 

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Mano propõe utilização da CEEE para oferecer banda larga pública

      Durante sessão extraordinária nesta quarta-feira (18.12) o deputado estadual Mano Changes (PP) propôs que o governo destine parte dos recursos previstos para reestruturação da CEEE à instalação de um anel de fibra óptica no Estado.

      “Se o Estado tem como tirar R$ 1,3 bilhão da CEEE, certamente teria como destinar R$ 50 milhões ou R$ 60 milhões pra criar a CEEE Telecom e instalar fibra óptica e criar a banda largá pública no Rio Grande do Sul, a partir da estrutura já existente na CEEE”, diz Mano. O deputado já recebeu aval da bancada do governo, que aceita negociar novos termos para o projeto. “Dá pra fazer. Está faltando é vontade política”, finalizou Mano.

     Pelo Projeto de lei 350/2013, proposto pelo governo Tarso, fica autorizada a transferência do pagamento de proventos dos servidores ex-autárquicos, vinculados à Companhia Estadual de Energia e Transmissão de Energia Elétrica – CEEE/GT, e à Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica – CEEE/D, para o Poder Executivo, mediante ressarcimento.



Gabinete Mano Changes

Data: 18.12.13

sábado, 14 de dezembro de 2013

Mano marca presença no debate da comunicação para uma nova política


       "Casa cheia e evento qualificadíssimo”, assim o deputado Mano Changes PP-RS resumiu o seminário “A Importância da Comunicação na Nova Política Brasileira”, realizado na manhã deste sábado, dia 14, no teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.
Organizado pela Fundação Milton Campos, que é responsável por pesquisas e estudos políticos do Partido Progressista e presidida pela senadora Ana Amélia Lemos, juntamente com o apoio do partido estadual, o encontro teve o objetivo de mostrar a importância da integração entre os líderes políticos e as redes sociais na nova era da comunicação.
A apresentação e abertura do evento ficou a encargo do presidente do PP-RS, Celso Bernardi, seguida por palestras ministradas pelo publicitário e estrategista político, André Torreta, e o jornalista e especialista em marketing digital, Nino Carvalho, e também com a ajuda de debatedor - o cientista político José Luciano Dias -.
Encerrando, a senadora Ana Amélia, em nome da Fundação Milton Campos, ressaltou que o seminário foi um presente que reuniu os melhores “cabeças” da comunicação na discussão sobre as novas ferramentas tecnológicas e suas contribuições para o fazer político e, então, enfantizou:

- Não adianta ter uma ferramenta espetacular como a internet se não tiver conteúdo. É preciso relacionar o conteúdo com autenticidade e honestidade, lembrando sempre que atrás dessas ferramentas estão as pessoas e sem as pessoas não se faz política.

Mano disse estar entusiasmado com a presença e participação de progressistas de todo estado para discussão e ressaltou que acredita que a internet hoje é uma ferramenta fundamental para trazer mais transparência para a política e diálogo com eleitor.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Emendas garantem Passe Livre mais justo, diz Mano Changes

A Assembleia Legislativa aprovou na tarde desta quarta-feira (11.12) a Lei do Passe Livre. Por articulação das bancadas de oposição, foram aprovadas duas emendas ao projeto original do governo do Estado, que só contemplava os alunos das regiões metropolitanas do Rio Grande do Sul e previa, ainda, que as prefeituras e estudantes pagassem parte da tarifa de ônibus. “Com as emendas, todas as regiões metropolitanas ficam contempladas, bem como as aglomerações urbanas. Além disso, foi aprovado também que o custo das tarifas terá que ser custeado integralmente elo governo do Estado, que propôs o projeto”, enfatizou o deputado Mano Changes.
O parlamentar acredita que o novo texto torna o projeto mais adequado às necessidades dos estudantes e à realidade dos municípios. “Essas duas emendas vão beneficiar um número maior de estudantes e fazer com que as prefeituras e os alunos não tenham que arcar com mais este custo em uma proposta que veio do governo. Não seria certo dividir a conta com os municípios em um programa proposto pelo Estado, pois as prefeituras já assumiram muitas despesas ao longo dos anos que dizem respeito às esferas estadual e federal”, definiu Mano.


Gabinete Mano Changes

Data: 11.12.13

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Mano Changes presta homenagem ao judô gaúcho

O deputado estadual Mano Changes prestou homenagem na tarde desta quarta-feira ao judô gaúcho. Por iniciativa do parlamentar foram entregues certificados e medalhas da 53ª Legislatura em homenagem aos atletas de judô classificados do 1º ao 5º lugares no Ranking da Federação Gaúcha de Judô. 
Mano Changes lembrou a importância do esporte como ferramenta de integração e formação de jovens e adultos. “O judô transcende a questão do esporte, porque é uma referência para a disciplina, o autocontrole e respeito”. Para o parlamentar, a homenagem buscou contribuir para quebrar os preconceitos em relação às artes marciais, que, mais do que uma luta, trabalham a inclusão social e conceitos fundamentais como o respeito ao próximo e o exercício da cidadania.
Prestigiaram a solenidade o presidente da AL, Pedro Westphalen, o presidente da Federação Gaúcha de Judô, Carlos Eurico da Luz Pereira, o vereador e bicampeão mundial de judô João Derly, o secretário estadual do Esporte e Lazer, Kalil Sehbe, e o vereador de Venâncio Aires, judoca Eduardo Kappel.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

REFORMA POLÍTICA

Mano defende apenas uma reeleição, inclusive para cargos no Legislativo.


   A Câmara Federal aprovou na última semana o texto da minirreforma eleitoral. Para o deputado estadual Mano Changes, os parlamentares perderam uma grande oportunidade de avançar no fortalecimento da democracia ao deixarem pontos importantes fora do projeto, como a reeleição. “A reeleição é um tema controverso e que merecia uma atenção especial por parte dos deputados. Não haverá renovação na política enquanto tivermos a reeleição indeterminada para os Legislativos”, destaca.

   O deputado entende que dois mandatos são suficientes para qualquer cargo público, seja para o Executivo ou para o Legislativo. “Quem está no exercício do cargo leva uma vantagem enorme sobre aqueles que buscam uma cadeira na Câmara de Vereadores, nas Assembleias Legislativas ou no Congresso Nacional. E a concorrência não ocorre fora dos partidos, mas sim, dentro dos próprios partidos, pois o concorrente direto pela vaga é o colega de sigla. No caso dos deputados federais é ainda mais desleal a disputa, pois as emendas se transformam em um poderoso cabo eleitoral que não está à disposição de quem não é deputado”, enfatiza.

   Mano também vê incoerência entre prática e discurso. “Vejo deputados defendendo o fim da reeleição, mas se elegem há pelo menos três mandatos. É uma questão de comportamento; se o sujeito defende o fim da prática precisa dar o exemplo”, define.


O QUE MUDA COM A MINIRREFORMA

   Por decisão dos deputados, fica proibida a propaganda eleitoral por meio de faixas, placas, cartazes ou bandeiras, mesmo em bens particulares. Bonecos também estão vedados. O texto ainda determina que folhetos e adesivos tenham dimensão máxima de 50 por 40 centímetros. O argumento é que as campanhas ficarão mais baratas a partir de agora. Como o projeto foi modificado na Câmara, a matéria precisará ser votada novamente no Senado.

Gabinete Mano Changes

domingo, 13 de outubro de 2013

Mano pede à Dilma Internet de cunho social

  O deputado estadual Mano Changes aproveitou a passagem da presidente Dilma Rousseff pela Assembleia Legislativa, neste sábado, para pedir que o Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) tenha um viés social. “No dia do meu aniversário, pedi de presente a ela que lesse com muito carinho o ofício que entreguei-lhe em mãos. Neste documento solicitei que a presidente desse especial atenção à criação de uma internet de cunho social”, explicou o parlamentar.
  Mano relatou a Dilma seus esforços no Parlamento Gaúcho pela criação de zonas de internet livre, e que agora farão parte da Constituição do Estado. “Lembrei-a de que estamos correndo contra o tempo, pois a Internet no Brasil precisa ter um caráter mais social. Se não, corremos o risco de criarmos um abismo entre quem tem acesso à informação e quem não tem ou teve essa oportunidade”, definiu.
  Mano Changes é coordenador, ainda, do Movimento Internet Livre, que busca mobilizar a sociedade e governos a favor da internet.

Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 12.10.2013

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Projeto de Mano é esperança para quem espera doação de medula

       Nos próximos dias, a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa deve votar parecer ao Projeto de Lei 71/2011 do deputado Mano Changes, que institui no Estado a realização do Teste de Tipagem HLA para a inclusão dos resultados no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME).
 Pela proposta, no momento em que for feito o teste do pezinho no bebê, em maternidades e serviços hospitalares da rede pública ou conveniados com o SUS, assim como na coleta de sangue de doadores nos hemocentros, já será coletado material para detectar a tipagem HLA. “Essa medida simples vai potencializar a base de dados do Redome, permitindo que se busque no cadastro nacional um doador compatível entre os grupos semelhantes mas não aparentados. Atualmente, milhares de pessoas com leucemia e outras doenças sanguineas têm como única esperança de vida o transplante de medula óssea”, enfatiza Mano. A probabilidade de se achar um doador compatível dentro do Brasil é de uma para cem mil doadores – o Redome tem hoje cerca de 1,5 milhão de pessoas cadastradas.
 O texto também prevê que antes de fazer o teste no bebê, o laboratório terá que ter a autorização dos pais ou responsáveis. “Cabe ressaltar que a inclusão do resultado do teste no Redome não implica na obrigatoriedade de doação, a qual será consentida ou não somente quando houver paciente compatível”, destaca o parlamentar.
 De acordo com o INCA (Instituto Nacional de Câncer), responsável pelo REDOME, “cerca de 60% dos pacientes não encontram doadores na família e quando isso acontece, é preciso buscar um doador compatível cadastrado no Registro Nacional (REDOME)". As chances de encontrar um doador não-aparentado dependem do grau de miscigenação dos indivíduos na população. “Então, quanto maior o número de brasileiros cadastrados no banco, maiores serão as chances dos pacientes acharem doadores compatíveis”, define Mano.

Gabinete Mano Changes
Assessoria de Imprensa
Data: 17.09.2013

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

ZONAS LIVRES DE INTERNET

                           Projeto de Mano Changes está pronto para ir a Plenário
     A Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia aprovou ontem (03.09) por unanimidade o parecer ao Projeto de Lei 345/2011, do deputado Mano Changes, que autoriza os municípios implantarem Zonas de Internet Livre. Com isso, o texto está pronto para ir a Plenário.
     A proposta tem o reconhecimento da Federação dos Municípios do Estado do Rio Grande do Sul (Famurs) e consiste em um instrumento legal para que as prefeituras possam instalar zonas de internet gratuita, diz Mano. "Essa é uma forma de avançarmos no debate sobre a instalação de uma banda larga pública para o Estado do Rio Grande do Sul a partir das comunidades. Não há mais como esperarmos pelo governo Federal, pois a cada dia que passa aumenta o abismo entre os que têm acesso à rede e os que estão fora do mundo digital", explicou o parlamentar.

     Mano Changes também é idealizador do Movimento Internet Livre, que desenvolveu um abaixo-assinado digital em prol da banda larga pública. Saiba mais em www.movimentointernetlivre.com.br


Gabinete Mano Changes - Assessoria de Comunicação
Data: 04.09.2013

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Deputado Mano Changes conhece a estrutura de Internet da TCA

Na última quarta-feira (28), o Deputado Estadual Mano Changes (PP) visitou a TCA e conheceu a estrutura de servidores e fibra ótica da empresa. Mano ficou surpreso com a qualidade e grau de inovação da TCA, "vocês estão de parabéns pela estrutura de Internet que oferecem aos clientes, não é por acaso que a TCA é considerada uma empresa modelo no RS e no Brasil", citou Changes. O deputado defende a Internet Livre, projeto que visa levar a Internet para todos os locais do Rio Grande do Sul, com a participação dos provedores regionais, onde se insere a TCA. "A parceria com os provedores de internet traria ganhos de economia às prefeituras como também incentivaria o desenvolvimento destas empresas que pagam seus impostos aqui", comentou Carlos Henrique Linden, diretor da TCA. "Além disso há ganho de qualidade, já que o provedor local consegue atender os clientes como muito mais qualidade", completou Linden.

Daniela Müller/TCA

Zanandro Jung, Cassiano Brenner e Mano Changes conversam em visita do deputado à TCA

Deputado Mano Changes e Carlos Linden, diretor da unidade de negócios e serviços da TCA

PARANHANA ON-LINE

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Projeto de Mano Changes estende benefícios da Nota Fiscal Gaúcha às ONGs de proteção animal


  O deputado estadual Mano Changes apresentou nesta quinta-feira projeto de lei estendendo os benefícios da Nota Fiscal Gaúcha às ONGs e entidades sem fins lucrativos que prestam assistência de apoio aos animais. A proposta inclui um novo parágrafo no art. 9º da Lei nº 14.020, de 25 de Junho de 2012, que institui o Sistema Estadual de Cidadania Fiscal e o Programa de Cidadania Fiscal.
     O projeto de Mano também permite que as entidades de proteção animal possam ser indicadas como favorecidas no caso de a nota fiscal não indicar o nome do consumidor. “Diariamente em todo o Estado centenas de voluntários lutam contra a falta de recursos para seguirem atendendo milhares de animais espalhados pelos municípios gaúchos. Esses recursos da Nota Fiscal Gaúcha contribuirão para a saúde pública e o meio ambiente, na medida que as entidades estarão atendendo animais jogados à própria sorte em nossas ruas”, destacou o parlamentar.
  Atualmente, podem participar do programa estadual somente entidades ligadas à Saúde, Educação e Assistência Social. Futuramente, o governo do Estado pensa em incluir o Esporte nesta lista, sem contemplar a questão animal. Mano entende que o governo inclusive ganhará com a aprovação da proposta. “Cabe destacar que o projeto de lei não prevê renúncia fiscal e contribuirá para que mais pessoas participem do programa, uma vez que cidadãos identificados com a causa dos animais irão se cadastrar e passar a exigir a nota fiscal para poderem indicar a entidade de sua preferência. Da mesma forma, o projeto permite que essas entidades possam cadastrar documentos fiscais no programa, o que consequentemente, contribuirá para igual acréscimo da arrecadação de tributos aos cofres gaúchos”, definiu.

Gabinete Deputado Mano Changes
Assessoria de Comunicação
data: 16.08.2013

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Mano Changes apoia luta da APAE

    O deputado estadual Mano Changes manifestou seu apoio à luta das Apaes (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). Para o parlamentar, essas entidades prestam um serviço inestimável em todo o País para as famílias que têm filhos especiais. “A Meta 4 do Plano Nacional de Educação, do Ministério da Educação, é uma ameaça à continuidade do trabalho desenvolvido por essas escolas em todo o País”, advertiu.
    A nova medida prevê que as Apaes deixem de fazer atendimento e os alunos especiais passem a frequentar as escolas regulares. “Apesar de parecer uma boa ideia em um primeiro momento, pessoas especiais precisam de cuidados especiais que somente nas Apaes, com muito sacrifício de cada comunidade, é possível prestar”, destacou.
    Para Mano, é preciso que integrar os portadores de necessidades especiais, mas isso precisa necessariamente passar pela continuidade da Apae. “A criança especial precisa ser integrada na sociedade, mas para isso, precisa da Apae para desenvolver suas habilidades. A inclusão que todos buscamos não será feita se enfraquecermos aqueles que já atendem crianças e adolescentes especiais há quase 60 anos no Brasil”, definiu.

Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 14.08.2013


quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Projeto de Mano Changes cria Histórico Médico Escolar

O deputado estadual Mano Changes protocolou esta semana projeto que cria a Histórico Médico Escolar para alunos das escolas das redes pública e particular no Rio Grande do Sul, a partir do calendário letivo de 2014.
O parlamentar lembrou que diariamente professores e diretores das escolas do Estado se deparam com situações de risco geradas a partir de acidentes com seus alunos. “Seguidamente a escola precisa socorrer estes estudantes até ambulatórios ou pronto-socorros. Ao chegarem no atendimento de urgência, a direção ou o professor se depara com um novo problema, pois geralmente o aluno desconhece seu tipo sanguineo, se é alérgico a algum medicamento ou se é vacinado contra determinada doença”, justificou.
Mano quer que, no momento da matrícula ou rematrícula, a escola busque essas e outras informações junto à família, facilitando o atendimento futuro. “Isso pode, até mesmo, salvar vidas em casos mais urgentes. Trata-se de uma medida simples, mas eficaz”, definiu.
Pela proposta do deputado, caberá aos pais ou responsáveis fornecer as informações médicas necessárias para preenchimento do histórico médico do filho. No documento deverão constar informações como: fotografia; nome completo do estudante; data de nascimento; endereço; tipo sanguineo; vacinas tomadas pela criança ou adolescente; se é alérgico a determinado medicamento; telefones de urgência para contato; e nome dos pais ou responsáveis.

Gabinete Deputado Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 08.08.2013

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Prevenção ao crack Grande Presença no Colégio Cristo Redentor de Canoas

     Prevenção ao crack foi pauta principal de palestra ministrada pelo deputado Mano Changes ontem pela manhã no Colégio Cristo Redentor de Canoas. Através de bate-papo de linguagem jovial, Mano garantiu a atenção do público discente. Para um montante superior a 500 estudantes, apresentou informações sobre os malefícios das drogas e convenceu de que é preciso afastar o eixo de violência social gerada pelas mesmas. “Não pode ser careta falar mal do crack. É uma droga com ação rápida e destrutiva”, enfatiza o parlamentar.
     Com base na premissa defendida pelo deputado de que a escola deve ser um lugar atrativo para aprendizagem, temáticas relacionadas à educação, cultura, tecnologia, geração de emprego e ao jovem também foram abordadas. “A escola não pode ser chata. Vocês, jovens, devem aproveitar os espaços oferecidos; negociar e organizar ações positivas que vocês gostem”, afirma Changes.
     Como de praxe, a reflexão final provocada nos estudantes aconteceu por meio da criação de rimas que posteriormente foram cantadas em rap. “Em minhas palestras instigo o público a fazer rimas sobre o crack. A música como instrumento de combate ao crack faz parte da apresentação”, comenta Mano.
     No evento, o deputado Mano Changes dividiu o palco com os vereadores Airton Souza e Celso Jancke, a vice-prefeita da cidade de Canoas Beth Colombo e a diretora do Colégio Cristo Maria Doronin Karnopp.

            Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 05.08.2013

Mano Changes prestigia exame de faixas na Escola de Artes Marciais Kukkiwon Dojang

O deputado estadual Mano Changes prestigiou neste domingo o exame de faixas da Escola de Artes Marciais Kukkiwon Dojang - Nova Santa Ritaque realiza um trabalho de inclusão social com crianças carentes do município.
“O trabalho da academia é exemplar e mostra que, se cada um der um pouco de si, podemos fazer a diferença na construção de um mundo melhor”, enfatizou Mano. Ele agradeceu a receptividade de Nova Santa Rita. “Fui super bem recebido por todos e quero fazer um agradecimento especial ao mestre Jéferson Machado Schlottfeldt, presidente da Federação Gaúcha de Taekwondo Interestilos (FGTI), e ao diretor técnico da entidade e professor da academia, mestre Emerson Cidal Nobre, que me agraciaram com a medalha pelo incentivo às artes marciais no Estado”, explicou.
Mano ainda agradeceu o convite feito pela voluntária Taiara Grendene Brasil pelo convite para prestigiar a solenidade de exame de faixas. “À toda escola, que me honrou com o certificado em agradecimento pela parceria e incentivo ao Taekwondo no Estado, meu sincero agradecimento e a certeza de que seguiremos juntos”, finalizou.

Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação

Data: 05.08.2013

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Mano Changes: “Gre-Nal de torcida única é inadmissível”


O deputado estadual Mano Changes foi procurado por integrantes de torcidas organizadas do Internacional, que solicitaram seu apoio para que o Gre-Nal marcado para o próximo dia 5 de agosto, na Arena do Grêmio, não seja apenas de uma torcida. Na próxima semana, Mano vai solicitar uma reunião com o Comando da Brigada Militar na Capital para tratar do assunto com as duas direções.

“Gre-Nal com torcida única é inadmissível. Esse é o maior clássico brasileiro e sempre foi realizado com as duas torcidas. Realizar a partida que é a própria expressão da cultura gaúcha somente com torcedores do Grêmio é algo que vai contra nossas próprias tradições”, destaca o parlamentar.
Mano lembra que a Arena já é padrão Fifa e o mesmo acontecerá com o Beira-Rio após a conclusão das obras. Assim, pondera, não fará sentido no futuro impedir o acesso de qualquer uma das duas torcidas aos estádios sob o argumento de que poderão ser depredados por torcedores rivais. “O que precisamos é garantir a segurança de todos, oferecendo espaços que contemplem os dois lados. Com bom senso, podemos fazer isso”, define.

Gabinete Mano Changes
Assessoria de Comunicação
Data: 19.07